Videochat com Marina Lima

(Estúdio do jornal Estado de Minas [uai.com.br/chat])

MARINA LIMA : TOPO TODAS TOUR tem um número menor de integrantes, mas não é um show intimista. Vai ter muuuito show, muita música.

MARINA LIMA : Engraçado estar aqui neste videochat porque o nome TOPO TODAS TOUR foi escolhido pelos internautas. Fiz a eleição pela internet. Muito bacana!!!

MARINA LIMA : TOPO TODAS TOUR é um show bem comemorativo, bem festivo.

MARINA LIMA : Alguns nomes sugeridos pela internet eram muito sofisticados. TOPO TODAS TOUR ficou muito legal, muito leve…

MARINA LIMA : Houve um internauta que sugeriu o nome Elber… risos… esse devia ser o nome dele… risos…

bruno : adoro  suas  musicas,  mas  a  que  mais  gosto  e  fullgás. gostaria de saber em que vc se inspirou para compor essa musica?

fumec.bh : quais sãos as maiores referências musicais que influenciaram seu trabalho?

MARINA LIMA : FULLGÁS surgiu quando começou a sair no Brasil uns teclados pequenininhos… aí, comecei a brincar com o teclado e comecei a compor essa música no teclado… Daí, chamei o Cícero e me inspirei nesse teclado e nas pessoas que amo de verdade para compô-la.

MARINA LIMA : Morei alguns anos nos EUA e a música negra e Beatles me influenciaram muito. Fora essa coisa da música brasileira que me influenciou muito. Quando voltei para o Brasil, Tropicália estava estourando e isso tb me influenciou muito.

Gilbert Morth : Porque está sumida do cenário musical?

MARINA LIMA : Eu não estou sumida não… mas, há 5 anos que não vinha a BH.

MARINA LIMA : Tem um show que fiz somente no Rio, com muita parafernália técnica e isso me impediu de rodar o Brasil

MARINA LIMA : Esse show TOPO TODAS surgiu no subúrbio do Rio.

MARINA LIMA : Estou circulando pelo Brasil mas, de fato, há cinco anos não vinha a BH.

Waldiney : Olá marina eu sou seu fã desde quando eu era mais novo, gostaria de saber seu orkut ou msn?

MARINA LIMA : Obrigada!!!! tenho um site que é marinalima.com.br . Mas, acabei abrindo um perfil no Orkut para interagir com as diversas comunidades que foram criadas em minha homenagem. Para poder conversar com o pessoal do Orkut, criei um perfil que não não respondo ninguém, mas vejo os recados e respondo no meu site. Meu perfil no Orkut é Marina Lima.

MARINA LIMA : Mas, lembro que não respondo aos scraps no Orkut. Respondo através do meu site. Estou tb no My Space, como Marina Lima.

fumec.bh : o que a marina mais e ama e odeia na vida?

Wallace Fernandes : Boa Tarde a todos!!!!Viva Marinoca!!!

MARINA LIMA : O que eu mais amo??? Adoro me sentir apaixonada pelas coisas. Amo meus amigos. Amo estar apaixonada. “Amo um amor”. Adoro um estado de espírito em que vc não perde o interesse pela vida. E odeio tédio. Tédio me deixa preocupada… risos.

Wallace Fernandes : Marina..quais as suas expectativas para o lançamento do seu dvd?

Marcia O. : Marina, parabéns pelo seu novo disco!!!

MARINA LIMA : Wallace, é grande a expectativa… e você cobram muito… risos… o negócio está demorando, mas existe uma série de entraves, porque o projeto é grande, altamente profissional, é coisa de cinema… e estou esperando tb… assim como vcs… mas, de fato, está demorando mesmo.

Wallace Fernandes : Marina…qual cd da sua carreira que vc mas gosta?..tem algum em especial?

MARINA LIMA : Wallace, não tenho muito grilo de nenhum de meus discos. Gosto de todos e cada um foi criado para sua época. Mas, tenho um carinho especial pelo MARINA LIMA, o CHAMADO, o ABRIGO. Mas, gosto de todos, não renego nenhum, tenho muitos.

MARINA LIMA : Um CD é pra sempre, é eterno.

MARINA LIMA : Quando fiz meus CDs, fui fundo e tive que terminar na marra, senão não terminaria cada um deles nunca.

Jane fala SOMENTE para Todos: Oi Marina, tudo bem? sou tua fã!!!! não q te perguntar nada, só gostaria de te enviar esta prece…

MARINA LIMA : Tenho trabalhado muito e não penso em compor um disco com composições próprias agora. Penso que tem muito compositor bom agora que oferecem letras muito boas. Penso em fazer um CD usando essas músicas desses compositores.

Jane fala SOMENTE para Todos: Senhor, Dai-me serenidade para aceitar o que eu não posso mudar. Te adoroo!!! Bjus!!!

MARINA LIMA : Obrigada, Jane!

MARINA LIMA : TOPO TODAS TOUR, repetindo, não é um show intimista… é um show festivo, “pra fora”, de celebração… as pessoas curtem, se beijam, namoram durante o show. É bacana!

MARINA LIMA : O repertório de TOPO TODAS inclui músicas que todos gostam de ouvir, as músicas mais queridas que eu já gravei. Tentei achar um meio-termo entre as novas e as tradicionais da Marina. O show tem um balanço de músicas novas e antigas. E´ um show da minha carreira.

MARINA LIMA : Não dá pra fazer um show somente de músicas novas.

MARINA LIMA : Não sou do tipo “recordar é viver”. Gosto das antigas e das novas. E tenho um jeito novo de cantar as antigas.

MARINA LIMA : Muitas novas músicas minhas são feitas no computador. Então, há sonoridades e timbres que têm a ver com o mundo de hoje. Algumas das músicas antigas ganharam esse timbre novo, atual.

Wallace Fernandes : Marina… qual a importância da musica eletrônica em sua vida musical?

MARINA LIMA : O formato menor do show TOPO TODAS me dá mais chance de rodar o Brasil com essa turnê.

MARINA LIMA : A música eletrônica nada mais é que uma nova opção do mundo hoje em dia. A música é uma coisa muito forte no Brasil e a eletrônica no mundo está muito presente. Em Londres, em Berlim… eles usam música brasileira de Tom Jobim com eletrônica. Mesmo que ela entre em contato com a música mais antiga, ela renova tudo.

MARINA LIMA : E essa coisa de internet facilita a continuação de nomes como Vinícius de Morais e outros grandes nomes.

MARINA LIMA : O celular tb gera demanda… ele te pega em qualquer lugar e acaba gerando um ansiedade nas pessoas.

MARINA LIMA : A minha música, após feita, pode ser recriada. Algumas acho que são mal recriadas, mas há casos de DJs que fazem trabalhos muito bacanas com a minha música. Há vários DJs muito bons, mas sou chata e criteriosa quando recriam minhas músicas.

luís otávio : oi Marina, blz? vc posaria d novo para playboy? até mais, abraço.

MARINA LIMA : Nunca mais pensei nisso. Mas, não tenho nada contra. Mas, não penso nisso agora e não acompanho muito a Playboy. Quando fiz, fiz porque já vinha recebendo muitos convites. Mas, decidi posar quando decidi e não por causa do convites. Hoje, não penso nisso mais. Mas, não tenho nada contra.

Danielle_Lima : Marina, por que Anna Bella não esta no setlist?

MARINA LIMA : Não gosto de shows muito longos. Acho que o tempo no mundo hoje mudou, é mais rápido… e não gosto de shows longos. Se vou a um show longo, não fico até o final. O mundo não é mais assim. Então, faço shows de 1h, 1h15min…

MARINA LIMA : Mas, Ana Bella está sim no show TOPO TODAS.

teca : cada público tem sua particularidade, o que te chama a atenção em especial no seu público mineiro?

MARINA LIMA : Estava falando sobre isso ontem… é um público muito intenso.

MARINA LIMA : Fiz o projeto Pixinguinha aqui e foi incrível. BH tem um público muuuuito intenso, que sempre me recebeu muito bem!!!

MARINA LIMA : Mas, é um público passional. Tenho uma empatia muito grande com o público de BH.

teca fala para MARINA LIMA: como foram feitas as seleções dos músicos e músicas para o topo todas?

MARINA LIMA : Músico contribui muito… escolho a dedo… não no sentido sexual… risos…

MARINA LIMA : Escolho os músicos realmente com muito critério. Então, tem que ser um músico muito bom mesmo para ficar comigo.

MARINA LIMA : Tenho um trio de músicos no palco muuuuito competente. Fora eles, tenho o Renato, que trabalha “externamente”, mas ele é tão importante para o show, que conto como quatro pessoas no palco comigo. Sendo assim, o critério de escolha é a competência mesmo de cada um.

MARINA LIMA : TOPO TODAS é uma soma de todos nós no palco, um complementa o outro. Dou o início e o meio… eles dão o final.

Guilherme fala para MARINA LIMA: Como foi sua experiência apresentando o SAIA JUSTA?

MARINA LIMA : SAIA JUSTA foi um problema…

MARINA LIMA : Porque, quando entrei, já estavam todas brigadas, já havia um clima de inimizade no ar e eu não sabia…

MARINA LIMA : E brinco: se soubesse que o clima estava daquele jeito, teria cobrado mais… risos…

MARINA LIMA : Eu acho, hoje em dia, o programa melhor: mudou todo mundo e entrou mais uma. Daí, a generosidade entre elas melhorou demais. Gosto muito da Márcia Tiburi, das opiniões dela, me identifico com ela.

MARINA LIMA : Se valeu a pena participar do Saia Justa?? Mas, tudo vale a pena se a alma não é pequena… mas, se eu soubesse antes… risos…

Wallace Fernandes fala para MARINA LIMA: Mara..vc ta linda…como vc mantém esse visual belíssima por todos esses anos?

MARINA LIMA : Tem uma coisa de genética: minha mãe já tem mais de 80 anos e está inteira. Mas, eu tb sou uma formiguinha: me cuido, malho dos dias, uso cremes… Hoje em dia, a pessoa tendo um mínimo de grana, consegue envelhecer com dignidade.

Danielle_Lima : Na atualidade, quais é o gênero mais criativo: pop ou rock? E qual vc prefere ouvir?

MARINA LIMA : O rock passou muitos anos muito chato, meio dinossauro… com homens de cabelos compridos… mas, nos anos 80, houve uma grande renovação do rock e ganhou uma nova energia. E o pop ficou meio “lenga-lenga”.

MARINA LIMA : Eu acho que, hoje em dia, o rock está mais interessante que o pop.

MARINA LIMA : “Na Minha Mão” é uma música do Nirvana que eu gravei.

MARINA LIMA : Legião Urbana eu adorava!!!

ramalho fala para MARINA LIMA: puxa  Marina  Lima  ao  vivo  comigo  na  INTERNET.  Marina como é estar com o seu público em tempo real via internet??

MARINA LIMA : Cara, é bacana!!!! Esta é uma das vantagens da internet. Antigamente, era muito difícil a gente ter um feedback do nosso trabalho.

MARINA LIMA : O feedback (fora os críticos) só vinha nos shows….

MARINA LIMA : Hoje em dia, com essa coisa de internet, site, blog, etc… a interação é incrível e o feedback vem na hora.

MARINA LIMA : E as discussões ficam muito mais aprofundadas e chegam a mim. Sei que há pessoas que acompanham direitinho o meu trabalho. Hoje, a internet permite isso. E o feedback não vem somente dos fãs.

MARINA LIMA : O retorno é imediato!

MARINA LIMA : Por exemplo, pela internet, sei que os internautas que fazem comunidade pra mim não gostam que eu faça remixe.

MARINA LIMA : Na internet, não tenho muito tempo para baixar músicas. Mas, acho que têm que ser criadas leis para essa questão na internet. Porque a pirataria tira o ganha-pão de muita gente.

MARINA LIMA : Eu consumo CDs. Eu gosto de comprar CDs.

Alex : – ) : Marina um forte abraço, gosto de suas músicas. Infelizmente não posso ficar muito tempo tc estou no trampo, ate outra oportunidade. Fuiiiiiii

MARINA LIMA : Ahhhhh!!!!!! Tá bom. Tá certo. Um beijo pra vc!

Antonio Ci­cero : Marina, como andam as parcerias com seu irmão Antônio Cícero?

MARINA LIMA : Olha! A gente compôs, fizemos algumas músicas para esse show do Primórdios. Agora, o Cícero está a mil, dando aulas. Ele esteve, inclusive, aqui em BH dando aulas.

MARINA LIMA : Então, ele também está a mil…

MARINA LIMA : A gente se encontra muito no dia-a-dia, porque somos irmãos, mas – para compor – precisamos de um projeto. Senão, não rola nada.

MARINA LIMA : Precisamos de um compromisso, de um projeto, para compormos juntos.

MARINA LIMA : Quando componho com ele, em geral, as músicas são feitas antes das letras.

MARINA LIMA : Somos muito criteriosos. Escolhemos sempre o melhor. Trabalhamos muito até dar o trabalho como terminado.

MARINA LIMA : Preocupo muito com a questão do “novo”… não gosto de ficar repetitiva… há coisas que fazemos que descartamos, ou guardamos…

MARINA LIMA : Por exemplo, “O Último Romântico” eu não quis fazer com ele e acabou rolando dele fazer com o Lulu e foi um estouro. Mas, comigo eu achei que não ia ficar legal, me pareceu repetitivo pra mim.

Danielle_Lima : Qual seu cantor/a ou grupo predileto no cenário internacional?

MARINA LIMA : Cantora?… tem várias que eu gosto. Tem uma inglesa, a Corinne, que eu admiro muito. A Madona também, pra mim é um ícone.

MARINA LIMA : A Madona fala bem de todos: dos sul-americanos, dos negros, dos gays.. ela sempre foi contra a caretice… gosto muito dela e do trabalho dela. Já, banda, gosto muito da inglesa RADIO HEAD.

Ronaldo  fala  para  MARINA  LIMA:  Olha, sou seu fã, fui em todos os seus shows aqui em BH, para  mim  o  mais  marcante  foi aquele do lançamento do “O chamado” no Palácio das Artes, principalmente aquela música Nightie Night, simplesmente fantástico.

MARINA LIMA : Obrigada!!!! Muita gente adora esse show realmente!!!!

ramalho fala para MARINA LIMA: E ai Marina como é ser uma das maiores cantoras deste nosso Brasilsão?

MARINA LIMA : Cara! Adoro minha carreira!!!!! O fato de ser querida e admirada é muito bacana!!!!

MARINA LIMA : O carinho do público, ser bem tratada, ser querida… pra mim, é maravilhoso!!!!

Bernardo : A partir do momento que você passou a assinar seus álbuns como Marina Lima, sua música mudou consideravelmente, por que isso? Considero os três primeiros álbuns assinados completo como os melhores de sua carreira. Vai ter alguma música dessa época no show?

MARINA LIMA : Quando comecei minha carreira, tinha 19 anos. Eu era MARINA e não me sentia adulta. Quando meu trabalho ficou mais madura, fiquei adulta, passei a compor e fazer trabalhos com outros compositores, senti falta do meu sobrenome. Eu fiquei mais segura e quis usar meu sobrenome… eu comecei uma outra fase como MARINA LIMA.

MARINA LIMA : Foi um processo muito longo de amadurecimento.

MARINA LIMA : Quando entrei no cenário brasileiro, existia muito MPB, a coisa Tropicalista, os Mutantes, mas não havia a coisa pop. Acho que fui importante pra isso, para o pop, o Lulu Santos tb colaborou muito.

ramalho fala para MARINA LIMA: Eu fico muito lisonjeado em saber que Marina vai ver e pensar em palavras minhas aqui na internet, puxa como fui longe?

MARINA LIMA : Não Ramalho. E´ isso mesmo. Estamos aqui para bater papo e trocar. A internet está aí pra isso.

Weliton :  Olá Marina. Que bom vc aqui em Minas Gerais. Quando fiquei sabendo que vc viria à BH providenciei logo meu ingresso para seu show.  Vc  é  10… E suas músicas fazem parte da minha história de vida. Obrigado… Weliton Monteiro – Barão de Cocais -MG

MARINA LIMA : Que bom! Muito obrigada!!!!

lucca fala para MARINA LIMA: você votou no Lula?

MARINA LIMA : A internet cria intimidades com pessoas que não conhecemos.

MARINA LIMA : Achei que era hora para o Lula sim. O Brasil precisava realmente de alguém de esquerda. Votei no Lula por causa disso, para o Brasil pudesse experimentar de um governo de esquerda. Mas, acho que há muita desorganização no Brasil e não sei se seria diferente se não fosse ele. E não me arrependo de ter votado nele porque penso que o Brasil tinha que passar por um governo de esquerda.

MARINA LIMA : Acho que o Brasil precisa de um Governo que olhe pelos excluídos, por aquelas pessoas que não têm nada.

MARINA LIMA : Eu acho que o Lula se aproximou dos empresários e acho que, hoje, há muitos mais projetos sociais do que antes.

MARINA LIMA : Foi um prazer participar do videochat do Uai!!!!

MARINA LIMA : Obrigada!!!!

MARINA LIMA : Um beijão para todos que participaram, para os meu fãs em BH, para os meus fãs internautas que me acompanham… Wallace… obrigada por todos que participaram!!! Obrigada, público mineiro! Um beijo!

Anúncios